Pontos turísticos de Fortaleza
Antiga Alfândega
Sua inauguração data de 1891. Entre 1941 e 1945, o prédio passou por reformas. Hoje, nele funciona a Caixa Econômica Federal, na avenida Pessoa Anta.
Endereço: Avenida Pessoa Anta, 287

Telefone: (85) 219-2966
Antiga Cadeia Pública
Atual Centro de Turismo, a antiga Cadeia Pública foi erigida em 1850. Hoje, os lugares das celas foram transformados em boxes, onde podem ser encontradas as variedades do artesanato cearense. Na parte superior do prédio, funciona o Museu de Arte Popular, com motivos religiosos e folclóricos, e o Museu da Mineralogia, com pedras preciosas e semipreciosas do Ceará e do Nordeste.
Endereço: Rua Senador Pompeu, 350
Telefone: (85) 488-7411/ 488.7412
Antiga Escola Normal (Iphan)
Sua inauguração está datada de 22 de março de 1884. entre 1947 e 1954, edifício serviu de sede para o Instituto Médico do Ceará, e a partir de 1954, para a Faculdade de Odontologia da UFC. Desde 1987, o prédio está ocupado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)
Endereço: Rua Liberato Barroso, 525 Praça José de Alencar Centro

Telefone: (85) 221 6360/221 6263/ 221 2180
Barra do Ceará
O pólo turístico da Barra do Ceará destaca-se por seu alto valor histórico e ambiental. Foi lá que Pero Coelho de Sousa edificou o Forte de São Tiago, na barra do Rio Ceará, a Oeste de onde se localizaria mais tarde a cidade de Fortaleza. O mangue do Rio Ceará é rico, nã só a flora como também a fauna. No caso dos pássaros, por exemplo, abriga 67 espécies, que fazem a alegria dos ornitólogos e observadores casuais. As salinas da Barra do Ceará são famosas desde a fundação de Fortaleza. Sobre elas escreveu Martins Soares Moreno por volta de 1912: “... tem o Ceará muito sal de salinas que a natureza cria”.
Endereço: No bairro da Barra do Ceará as margens do Rio Ceará

Casa José de Alencar
Pequena casa onde nasceu o romancista cearense José de Alencar. Erguida em 1826, mantém sua estrutura original até hoje. No sítio encontram-se ruínas do primeiro engenho do Ceará a receber energia a vapor, uma pinacoteca, o museu Arthur Ramos, uma biblioteca e um restaurante com comidas típicas.
Endereço: Avenida Washington Soares, s/n, Sítio Alagadiço Novo Messejana (a 15 km do centro de Fortaleza)

Telefone: (85) 276.1677
Catedral Metropolitana de Fortaleza
Sua construção se iniciou em 1938, no local da antiga Igreja da Sé. Foram quatro décadas de dificuldades, até ser inaugurada em 1978. Com capacidade para 5.000 pessoas, tem estilo gótico-romano.
Endereço: Rua Sobral, s/n Centro

telefone: (85) 226-1129
Centro Cultural Dragão do Mar
Inaugurado em 7 de agosto de 1998, o Centro Cultural possui 30 mil metros quadrados de área para vivenciar a Arte e a Cultura Cearenses. Possui atrações como o Memorial da Cultura Cearense, o Museu de Arte, o Cine-Teatro, o anfiteatro, a Oficina de Arte e o Planetário.
Endereço: Rua Dragão do Mar, 81 Praia de Iracema

Telefone: (85) 488-8600
Centro de Referência do Professor CRP
No Centro de Referência do Professor, CRP, anteriormente funcionava o Mercado Central. Hoje é um grande centro cultural e pedagógico, democratizando o acesso à Cultura, às tecnologias da comunicação e da informação, disponibilizando computadores ligados à internet, onde o cidadão pode utilizá-los gratuitamente por uma hora e trinta minutos.
Endereço: Rua Conde D'Eu, 434 Centro Antigo Mercado Central

Telefone: (55) 488-7694
Cine São Luíz
Localizado no Centro da cidade, na Praça do Ferreira, o Cine São Luiz consumiu dezoito anos de esmerada construção e é o maior e o mais luxuoso cinema do Brasil. Possui requintes de palácios imperiais: mármore de carrara no piso e nas paredes do saguão de entrada, lustres de cristal, detalhes das escadarias em latão maciço e uma decoração das paredes da sala de projeção que impressiona pelos detalhes artísticos. Além disso, possui 1.500 confortáveis poltronas e galeria para autoridades. Por muito tempo foi obrigatório o uso de paletó para os freqüentadores, tal o luxo do ambiente.
Endereço: Rua Floriano Peixoto, 500 Centro em frente a Praça do Ferreira

Telefone: (85) 226-5507
Estação Ferroviária João Felipe
Localizada defronte à Praça Castro Carreira, mais conhecida como Praça da Estação, possui uma fachada em estilo neo-clássico, em homenagem ao engenheiro João Felipe. Construída em 1880, a estação era ponte de chegada e partida dos trens que faziam o transporte de mercadorias e passageiros do interior para a capital. Atualmente, a estação ainda tem linhas regulares pela zona Metropolitana de Fortaleza.
Endereço: Praça Castro Carreira, Centro

Telefone: (85) 455-2100
Estoril
Prédio Administrado pel Fundação de Cultura, Esporte e Turismo de Fortaleza – Funcet. Construído nos anos de 1915 a 1920, pelo coronel Pernambucano Guikmarães Porto para sua família, recebeu o nome de Vila Morena em homenagem à sua esposa Francisca, chama por ele de “Moreninha”. Em 1945, foi sede de um cassino para soldados americanos da Segunda Guerra Mundial. Depois, passou a ser o bar da boêmia cearense, reunindo todos os dias intelectuais, músicos e artistas.
Endereço: Rua dos Tabajaras, 397 Praia de Iracema

Telefone: (85) 219-5158


Estátua de Iracema (Antiga)

Monumento que foi inaugurado em 1965, na Praia do Mucuripe, em homenagem à Iracema, personagem do escritor José de Alencar. Diz a lenda que foi no Mucuripe o lugar onde Iracema esperava pela volta do guerreiro branco, o colonizador Martins Soares Moreno
Endereço: Avenida Beira-Mar Mucuripe

Farol do Mucuripe
O antigo farol foi uma homenagem à Princesa Isabel. Construído em estilo barroco, entre os anos de 1840 e 1846, pelos escravos, foi desativado em 1957 e desativado em 1982, abrigando o Museu dos Jangadeiros. Atualmente, funciona o Museu do Farol e é tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional.
Endereço: Avenida Vicente de Castro, s/n Mucuripe

Telefone: (11) 5073-6300 – ramal 225
Feirinha da Beira-Mar
Feira de artesanato típico da cultura cearense que funciona todos os dias a partir das 17h. Lá, os turistas podem encontrar uma grande variedade de artesanatos: quadros, garrafas coloridas, redes, rendas, e etc.
Endereço: Avenida Beira Mar (Em frente ao Clube Náutico)

Forte de Nossa Senhora da Assunção
Foi construído em 1649, pelo holandês Matias Beck, às margens do Riacho Pajeú, quando recebeu a denominação do Forte de Schoonemborch. Em 1654, após a expulsão dos holandeses, os portugueses ocuparam o forte, rebatizando-o de Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção. Foi, depois de 1819, que a Fortaleza tomou a forma que hoje tem.
Endereço: Avenida Alberto Neponuceno, s/n.Centro

Telefone: (85) 255.1600
Igreja do Rosário
Está localizada na Praça General Tibúrcio. É o mais antigo templo da cidade, datando do século XVIII. Por volta de 1970, a Irmandade de Nossa Senhora do Rosário fez reparos na Igreja, à época ameaçada de ruir. No ano seguinte, foi erguida à pedra e cal. Conta-se que nas paredes do templo foram enterrados corpos de escravos mortos. A igreja ainda possui de original o altar de madeira, portais, imagens e luminárias. É protegida por Lei Estadual.
Endereço: Rua do Rosário, 2 Praça dos Leões Centro

Igreja do Sagrado Coração de Jesus
O local onde se ergueu esta igreja era uma duna denominada Anto da Pimenta ou Alto da Boa Vista, quando, em 22 de setembro de 1848, foi lançada a pedra fundamental da igreja, que seria inaugurada em 25 de março de 1886. Em 1957, parte da igreja desabou, sendo reconstruída com novas formas, pelos padres capuchinhos.
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 135 Centro

Telefone: (85) 231-5512
Mercado dos Pinhões
O Mercado dos Pinhões atual é na verdade apenas a metade do antigo Mercado do Ferro, inaugurado a 18 de abril de 1897, vindo da França e desmontado em 1938. Fabricado para abrigar o mercado de carnes, é hoje um dos mais novos tempos da cultura de Fortaleza. Agora denominado Mercado das Artes, revela em si dias importantes iniciativas do resgate histórico: a restauração e conservação de um patrimônio arquitetônico e sentimental para a cidade e a instituição de um Centro de Artes que busca, antes de tudo, atuar como uma efervescente usina de idéias e produtos culturais, direcionado à comunidade de
Endereço: Praça Visconde de Pelotas, entre as ruas Nogueira Acioly, Gonçalves Lêdo, Tenente Benévolo e Pereira Filgueiras

Monumento Castelo Branco
Localizado no Palácio da Abolição, antiga sede do governo estadual, é o local onde repousam os restos mortais do ex-presidente do Brasil na época da ditadura, o cearense Humberto de Alencar Castelo Branco, e de sua esposa, Argentina Castelo Branco. Consiste num bloco de concreto com um arrojado balanço de 30 metros, e 23 placas com trechos de discursos e cartas do ex-presidente.
Endereço: Avenida Barão de Studart, 410 Aldeota

Museu Arthur Ramos (Casa José de Alencar)
Possui um acervo de 3.000 a 5.000 peças, entre elas, mostra da cultura indígena do Ceará e peças de origem africana, coleção que pertenceu ao antropólogo Arthur Ramos. Existem também telas e documentos do escritor José de Alencar.
Endereço: Washington Soares, s/n, Sítio Alagadiço Novo

Telefone: (85) 276-1677
Museu da Imagem e do Som
Inaugurado oficialmente em 1980, no prédio da Biblioteca Pública Estadual Menezes Pimentel, hoje faz parte do Departamento Audiovisual da Secretaria de Cultura. Seu acervo dispõe de mais de 60.000 peças, entre negativos, fotos, slides, discos de cera e fitas-cassete, e também uma pequena biblioteca, com 1.600 exemplares de cordel.
Endereço: Avenida Barão de Studart, 410 Meireles

Telefone: (85) 264-2462
Museu do Ceará (Assembléia Provincial)
Construído em 1871, abrigou a antiga Assembléia Provincial. Hoje funciona o Museu do Ceará, criado em 1933, conhecido inicialmente como Museu Histórico do Ceará. A sua denominação atual data de 1950. Em 1953, foi tombado como Patrimônio Histórico. Tem seu acervo organizado por módulos, com aproximadamente 1.141 peças históricas e antropológicas divididas em várias salas.
Endereço: Rua São Paulo, 51 Centro

Telefone: (85) 251-1502
Museu do Maracatu
Fundado em 1984, conta a história do Maracatu no Ceará. Possui 230 peças divididas em 5 seções de vestuário, objetos de senzala, instrumentos musicais e personagens do Maracatu.
Endereço: Rua Rufino de Alencar, 362

Telefone: (85)231-5447
Nova Estátua de Iracema
Foi inaugurada em 1996. A obra, de autoria do escultor cearense Zenon Barreto, tem 6 metros, sendo dois de pedestal, toda esculpida em ferro e revestida de fibra de vidro. A estátua apresenta-se ajoelhada e curvada em arco, transmitindo toda a dor eu assolou o coração de Iracema com a perda de seu amado, na obra de José de Alencar.
Endereço: Rua dos Tabajaras, s/nCalçadão Praia de Iracema

Palacete Ceará
Inaugurado em 1914, figura como símbolo de grandes transformações na fisionomia da cidade. Foi durante muito tempo ponto de encontro da sociedade cearense, tendo abrigado entre os anos 20 e 40, o famoso Clube Iracema. Em 1955, o prédio foi posto à venda e adquirido pela Caixa Econômica que já o ocupava desde 1946.
Endereço: Rua Guilherme Rocha, 48 Praça do Ferreira Centro

Palácio da Luz
Antiga sede do governo estadual, até meados de 1970. Construído no final do século XVIII para servir de residência ao capitão-mor Antônio da Costa Viana. Com arquitetura neoclássica, possui amplos salões, cuja construção seguiu a técnica tradicional de tijolo e madeira. Abriga a Academia Cearense de Letras. Está protegido por Lei Estadual.
Endereço: Rua Rosário, 1 Centro

Telefone: (85) 231-5699
Parque da Liberdade (Cidade da Criança)
Localizado do Centro da Cidade, este logradouro público por muito tempo foi o ponto de encontro de namorados. Antigamente, era chamado de Lagoa do Garrote, local de descanso dos viajantes. Hoje, a Cidade da Criança, como é popularmente chamada, encontra-se totalmente murada, com grades de ferro e arborização exuberante.Endereço: Entrada pela Rua Solon Pinheiro com Rua Pedro I, e pela Rua Sena Madureira
Paço Municipal
Até meados de 2002, foi a sede do gabinete da Prefeitura Municipal. O Paço era originalmente uma chácara da família Mendes Guimarães, passando em 1892 a Bispado do Ceará. Em 1989, a restauração conservou suas linhas arquitetônicas e o paisagismo original. Possui o Bosque Dom Delgado, com várias árvores centenárias, onde passa o famoso Riacho Pajeú.
Endereço: Rua São José, entre as ruas Rufino de Alencar e Costa Barros. Atrás da Igreja da Sé (Catedral Metropolitana)

Ponte Metálica
Inaugurada em 1906 para embarque e desembarque de passageiros e cargas. Foi construída com perfis metálicos e piso de madeira, recebendo o apelido de Ponte Metálica. Um ponte lançada ao mar.
Endereço: Praia de Iracema

Ponte dos Ingleses
A construção foi iniciada em 1923, pela empresa inglesa Nestor Grifts. Nunca funcionou como porto. A sua vista do pôr do sol é considerada a mais bela da cidade.
Endereço: Rua dos Cariris, s/n Praia de Iracema

Porto do Mucuripe
O local idela encontrado para a construção do porto, que seria outorgada em 1835, foi a Ponta do Mucuripe. Em 1860, o porto foi abandonado e substituído pela construção da Ponte Metálica, inevitavelmente tranformar-se-ia no porto de Fortaleza.
Endereço: Avenida Vicente de Castro, s/nMucuripe

Praça General Tibúrcio
Também conhecida como Praça dos Leões, em virtude das estátuas de leões ali expostas. Erigida em 1877, nela encontra-se um monumento ao grande herói cearense General Tibúrcio, onde repousam seus restos mortais
Endereço: Entre as Ruas Guilherme Rocha, General Bezerril, Visconde de Sabóia e Conde D'Eu

Praça do Ferreira
É o centro vital da cidade, onde ao seu redor os inúmeros prédios de importância histórica dividem espaço com diversos estabelecimentos comerciais que ali se concentram. A praça foi inaugurada em 1929, com o nome de Feira Nova. Em 1842, passou a ser chamada Largo das Trincheiras. Em 1871, recebeu a denominação de Praça do Ferreira em homenagem ao boticário Antônio Rodrigues Ferreira. Ao longo da sua história, passou por várias reformas. A última delas se deu em 1991, onde foi instalada uma nova coluna da hora e redisposição de seus jardins, resgatando, assim, sua arquitetura original. A praça foi escolhida, pela população, como ícone da cidade.
Endereço: Situada entra as ruas Floriano Peixoto, Guilherme Rocha, Gen. Bezerril e Pedro Borges. Centro

Praça José de Alencar
A Praça José de Alencar, é uma homenagem ao escritor, advogado, deputado e ministro cearense José Martiniano de Alencar um dos expoentes do romantismo. Inicialmente chamava-se Praça do Patrocínio, depois praça Marquês de Herbal, hoje praça José de Alencar.
Endereço: No centro da cidade, entre as ruas 24 de Maio, São Paulo, General Sampaio e Guilherme Rocha

Praça dos Mártires (Passeio Público)
Local que serviu de palco às cenas de fuzilamento de alguns heróis da Confederação do Equador. Construída em 1890 em estilo neoclássico, é considerada uma das principais praças de Fortaleza. Em 1940, foi reformada nos moldes do Passeio Público do Rio de Janeiro. A Praça dos Mártires, seu nome atual, é tombada como Patrimônio Histórico Nacional.
Endereço: Situado entre as ruas Barão do Rio Branco, Dr. João Moreira e Floriano Peixoto, ao lada da 10ª Região Militar.

teatro São José
Inaugurado em 1915. Possui seu próprio grupo teatral, tendo por finalidade acolher grupos de teatro da cidade. Lá encontra-se o Museu do Maracatu. É protegido por Lei Municipal.Endereço: Rua Rufino de Alencar, 326 Centro
Theatro José de Alencar
Inaugurado a 17 de junho de 1910, o Theatro José de Alencar sintetizou os ideais de “civilização e progresso” do início do século. Tombado como patrimônio histórico nacional, constitui um dos mais significativos monumentos artísticos da cidade
Endereço: Praça José de Alencar, s/n Centro.


Fonte: Secretaria de turismo da cidade de Fortaleza
 
   

 
Site melhor visualizado em resolução 800x600 com Internet Explorer 4.0 ou superior
Copyright © 2004 Portal Santa Maria - Todos os direitos reservados
Portal de turismo de Fortaleza www.fortalezatur.com.br